10

Seriado The Killing [Resenha] ☁


Seriado The Killing
Crédito de Imagem: Engadget
Uma série que eu acabei de terminar de assistir é a The Killing (pois é... Comecei alguns dias depois de terminar The 4400, e só consegui parar agora, depois de chegar no último episódio da última temporada ). A verdade é que eu nem senti. Quando ia percebendo, já estava no último episódio de cada temporada. Ela é realmente muito boa e envolvente!

Crédito de Imagem: Tvline

Mas sobre o que "The Killing" fala?

The Killing é uma série policial dramática que traz a detetive Sarah Liden e seu companheiro de trabalho Stephen Holder. Eles se conhecem logo no início da trama, quando ela, com planos de se casar, "cede" seu lugar ao "futuro novo companheiro de aventuras".

Holder, interpretado por Joel Kinnaman, é um homem problemático e dependente das drogas, que luta para deixar o vício frequentando os Narcóticos Anônimos, já Sarah, interpretada por Mireille Enos, é mãe solteira e tem muita dificuldade em se relacionar, ou ser uma "boa mãe". Ela se esforça, mas guarda traumas de infância, já que foi abandonada muito cedo e passou por diversos orfanatos e lares durante toda adolescência.

Sarah, apesar de tentar evitar, acaba se excedendo e se envolvendo demais em cada caso, chegando -literalmente - a enlouquecer.

Inspirada no seriado dinamarquês Forbrydelsen, e dirigida por Patty Jenkins, The Killing segue uma trajetória própria. O criador e produtor executivo da série Veena Sud, disse uma certa vez:

"Estamos criando nosso próprio mundo. Nós estamos usando a série dinamarquesa como um projeto, mas nós somos do tipo de criar o nosso próprio mundo, nosso mundo de suspeitos e, potencialmente, em última análise, que matou Rosie Larsen.".  (Rosie é a personagem morta na primeira temporada)

Não assisti a versão dinamarquesa, mas suponho, através de seu comentário, que o desfecho dos casos deve ser "um bocadinho" diferente...

The Killing possui quatro temporadas - que estão disponíveis na NetFlix, Ela quase foi cancelada duas vezes: Uma vez em 2012, mas se manteve após uma negociação do canal AMC (que era transmitido) com a Fox Television Studios e com a Netflix, e outra em 2013, após o encerramento da terceira temporada, porém teve sua última temporada transmitida pela NetFlix.

Minha opinião:

Como comentei, achei a série bastante envolvente, e se você gosta de casos policiais, irá gostar também.

Me emocionei em algumas cenas com o drama pessoal dos protagonistas (tá... Eu não sou parâmetro. Choro até com comercial de margarina), e achei a atuação de ambos bastante natural.

Achei interessante como a trama se desenrolou, e a forma em que levaram cada caso, dando-nos pistas falsas a cada momento e trazendo um desfecho inusitado.

Ahhh... Gostei bastante do desdobramento final! (:
Nota: 9,5 de 10!

Trailer da versão americana:


Aos curiosos... Trailer de Forbrydelsen, a versão dinamarquesa:



Crédito: wikipedia


E você... Já assistiu este seriado? O que achou? Conto com seu comentário!


Gostou do post?! Então curta o JB no Face e faça essa blogueira feliz! Não vai levar nem um segundo! Basta clicar no botão "Curtir" logo abaixo! ;)

10

Deixe seu comentário no Formulário abaixo: