10

#DicasdeLivros: O Monstro (Fábio Coala)


Livro "O Monstro" e brindes (marca páginas e cartões postais) - Fábio Coala
Livro "O Monstro" e brindes (marca páginas e cartões postais) - Fábio Coala
"Sim, sou um monstro, nasci roxo, com rabo, asas, um narigão rosa e olhos coloridos. Mas e você, qual a sua desculpa?
Pssiuuu: O Coala não sabe, mas foi um dos monstros que passaram pela minha vida!

Em 2010, o JeGue's Blog tinha pouco tempo de vida, assim como o Mentirinhas, página do Fábio Coala, autor do livro que apresentarei hoje. Ele foi um de nossos primeiros parceiros, e eu adorava (ainda adoro) ler suas tiras.

Nesta mesma época eu tinha muita vontade de seguir o caminho de ilustradora, queria fazer tiras assim como ele, e adorava desenhar em meus tempos vagos, porém, além de não saber por onde começar, era extremamente inexperiente. Precisava de um empurrão, uma inspiração que fosse...



O trabalho do Coala sempre me fascinou. Não apenas pelas ilustrações, mas pelo conteúdo tão bem elaborado e cheio de sensibilidade. Não desmerecendo os outros ilustradores, mas deve ser extremamente difícil passar em pequenas tiras, uma mensagem que mexa diretamente nos sentimentos das pessoas (coisa que ele faz muito bem...)

Entre a vontade de iniciar, e o medo de falhar, resolvi: Enviei um e-mail para o Coala perguntando sobre seu processo criativo, inspirações, etc. Ele, por sua vez, com delicadeza respondeu a todas as minhas perguntas. (Na verdade eu não esperava por sua resposta, mas fiquei imensamente feliz em ver que ele havia dedicado um tempinho para responder as minhas perguntas). Minha admiração aí só cresceu. Virei fã mesmo! u-u

É  provável e compreensível que ele não se recorde disso, mas gostaria de agradecer, por ter sido a inspiração que eu precisava para começar. Algum tempo depois, em Setembro de 2010 minha primeira tira foi ao ar, no extinto (literalmenteTirano Saurro. Hoje ele está desativado, porém serviu de ponte para que eu iniciasse outros projetos (como o Tiras da Jeh)

Quando falei dele ter sido "um de meus monstros", falei no sentido etimológico da palavra, afinal, de acordo com o próprio Coala:
"(...) Etimologicamente, a palavra (monstro) vem do latim monstrum, e pode significar "mostrar", "advertir" ou até mesmo "segredo divino". Mas, o significado mais comum é "criatura abominável, deformada e cruel que vai arrancar sua cabeça e jogar futebol com ela", ou mais ou menos isso(...)"
- É claro que quando falei que ele havia sido um dos monstros, pensei no segund... ops! ...primeiro significado! =p

Eu toda feliz ao lado do Coala e sua linda esposa, Letícia! ^^
Só em 2013, enquanto esperava para receber meus autógrafos dos irmãos Lu e Vitor Cafaggi, que tive o prazer de conhecer o Coala pessoalmente (não só ele, mas a fofa e "super do bem" senhora Coala).

Me lembro que cheguei só, e parei no final da fila, na Livraria Cultura, em São Paulo. Estava empolgada, pois finalmente conheceria pessoalmente a Lu e o Vitor, além de receber seus autógrafos, é claro. (Até então só havia falado com eles via internet)

Na minha frente havia uma moça super alto astral, branquinha e baixinha conversando com um rapaz (de verdade, não queria ficar ouvindo conversa alheia, maaaas...), ela passava uma energia tão positiva enquanto falava que foi impossível não ouvir... Em um determinado momento, percebi, que ela falava de um tal de "Coala". Eu sou meio tímida, mas não me aguentei, me aproximei e perguntei: "-É o Coala do mentirinhas?" - Não é que era mesmo... E gente... Que amoooor é a Letícia, esposa dele! Ela e seu amigo Fex me fizeram companhia, além de me apresentar formalmente ao Fábio (que estava cheio de olheiras após trabalhar sem parar no livro "O Monstro", que seria logo lançado) - Fiquei feliz dele me reconhecer. Havíamos nos falado algumas poucas vezes sobre as campanhas WebComics com outros ilustradores...

Depois disso já nos reencontramos no FIQ (Festival Internacional de Quadrinhos), em BH. Hoje não sou fã apenas do Coala, mas da Letícia também. Ambos me passam uma sensação muito boa, sabe?! Desejo que sejam sempre muito felizes!

Livro "O Monstro" e meu autógrafo - Fábio Coala

Tá Jéssica... Que legal toda essa história, maaaas.... e o LIVRO?! O que achou dele?

Ahhhh... O LIVRO! Depois de muito almejá-lo, finalmente o tive em mãos. (Não apenas ele, mas a pelúcia do monstro também. O pequeno roxo de narigão rosa, já se tornou um velho amigo meu!)
Acho que a última vez que me senti assim, foi quando li o livro Laços - Turma da Mônica, dos irmãos Cafaggi.

Meu livro e Monstro - com marca-páginas e cartões postais de brinde - chegaram pelos correios ontem , e ontem mesmo "devorei" cada página...
O Coala tem uma sensibilidade única, e passou isso em toda a história. O legal é que a trama conta vários casos que são, no final entrelaçados de uma forma muito especial. Lindo! Lindo! Lindo!

Além disso, toda vez que olho pro Monstro, me sinto parte da história, como se ele tivesse realmente "se materializado" ali  para me ajudar. Isso me faz sorrir e me sentir novamente uma criança.

Meu Monstro
Meu querido Monstro!

"O Monstro":
O Coala criou este conto na época em que trabalhava como Bombeiro.
Segundo ele, em uma das ocorrências, um bombeiro mais antigo lhe contou uma história envolvendo um trágico acidente e brinquedos (Ele desenhou a história. Compre o livro e veja! ;).

Inspirado no que ouviu, o Fábio começou então, a escrever, escrever e escrever... Até preencher algumas dezenas de páginas. Estas páginas ficaram guardadas até os tempos atuais, quando finalmente decidiu resgatá-las.

Como sabia que seria impossível publicar seu conto como livro ou Graphic Novel, passou a publicar mensalmente pequenas histórias na internet. O monstro foi então crescendo e tornando-se amado por todos, até finalmente transformar-se no livro que tive o prazer em ler.

O monstro ao meu ver, nada mais é, do que um conselheiro. Aquele amigo que podemos contar, e que estará presente para cuidar e nos proteger de todo o mau... ou como o próprio Coala o definiu:
"(...) O que é o monstro? Talvez uma criatura mágica de um mundo desconhecido, um anjo enviado por Deus, a força desconhecida que está dentro de cada um, ou apenas imaginação e pensamentos positivos (...)"
OBS: Indico este livro com toda a certeza! (não apenas o livro, mas o monstro (pelúcia), buttons, sacolinha, etc!)
Conheça o site Mentirinhas e leia suas Tiras| Acesse a Lojinhaa (ou quase!) e compre o seu exemplar!

Não se arrependerá! Eu tenho certeza... ;)

 Meu autógrafo:


E você.. Já conhece o livro "O Monstro"? E o Mentirinhas? Deixem seus comentários! ;)


Gostou do post?! Então curta o JB no Face e faça essa blogueira feliz! Não vai levar nem um segundo! Basta clicar no botão "Curtir" logo abaixo! ;)

10

Deixe seu comentário no Formulário abaixo: